Ansiedade

Sintomas da Ansiedade Generalizada – Tratamento

O transtorno de ansiedade generalizada é causado pela ansiedade excessiva, para diagnosticar a ansiedade generalizada é necessário que outros transtornos de ansiedade sejam descartados, como o pânico e fobia social, e deve durar mais que seis meses.

ansiedade generalizada sintomas tratamento Ansiedade Generalizada

Ter dificuldade para relaxar e sentir que está a ponto de estourar, cansaço rápido, difícil concentração, esquecimentos, muita irritabilidade, insônia e tensão muscular são alguns dos sintomas da ansiedade generalizada.

Entre outros
sintomas que podem acometer a pessoa com ansiedade generalizada são: dificuldade para relaxar, sensação de que está a ponto de estourar ou estar no limite; cansar-se com facilidade; irritabilidade, tensão muscular; dificuldade de adormecer, outras perturbações de sono como dificuldade em conciliar ou manter o sono, sono insatisfatório ou inquieto; medos de eventos desastrosos, medo excessivo com possíveis problemas de saúde. Há ainda a possibilidade de acontecer simultaneamente uma depressão maior e também podem ocorrer transtornos ocasionados a eventos sociais como as fobias sociais.

Entre as causas da ansiedade generalizada podem estar relacionados no caso de irmãos gêmeos idênticos que é comum em50% dos casos; e entre 15% entre gêmeos não idênticos e significativos entre filhos de pais ansiosos assim como fatores sociais e psicossociais. Estudos ainda apontam que uma causa para a ansiedade generalizada pode ser o alcoolismo e a solução é a abstinência por um longo período. Mas, quem já teve diagnóstico confirmado de ansiedade generalizada mesmo com tratamento controlado pode ter surtos em alguns tipos de situação como casamentos, divórcios, promoção, demissão, hospitalização de entes queridos e até situações de muita felicidade como nascimento de um filho, etc.

A ansiedade generalizada afeta muito mais mulheres do que homens, o tratamento da ansiedade generalizada tanto para homens como para mulheres é basicamente o mesmo, tranquilizantes benzodiazepínios e buspirona que não devem ser usados sem orientação médica.

Mais sobre Ansiedade



Deixe um Comentário